Você sabe o que são plantas PDL e PDC e quais suas diferenças?

Oi biologuínhos, tudo bem? Hoje voltamos para mais um post da nossa querida e amada botânica e dessa vez falaremos sobre dois tipos de plantas: as "Plantas de Dias Longos (PDL)" e as "Plantas de Dias Curtos (PDC)".


Inicialmente, temos que destacar que cada planta apresenta seu fotoperíodo crítico o que basicamente é a relação relativa de horas de luz e horas de escuro em um dia que possibilita a floração. Alguns plantas não apresentam o fotoperíodo como um fator essencial para que ocorra a floração, sendo conhecidas como "Plantas de dias neutros ou indiferentes (PDN ou PDI)", respondendo somente à estímulos internos de seu código genético e metabolismo.


As plantas de dias curtos (PDC) são caracterizadas por responder ao fotoperíodo inferior ao fotoperíodo crítico, isto é, são capazes de florescer se o fotoperíodo for menor do que o seu essencial. Elas podem sofrer interrupções em seu florescimento só por um flash, por exemplo, em suas horas de escuro, podendo voltar a florescer somente anos depois.


Já as plantas de dias longos (PDL), ao contrário da anterior, só florescem se o fotoperíodo do local for igual ou superior que seu fotoperíodo crítico. Em situação oposta a anterior também, as PDL não sofrem interrupções em seu florescimento por flashes em suas horas de escuro: elas somam esses períodos de flash à suas horas de luz.







2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Plastos: o que são e quais os tipos?

Plastos são orgânulos citoplasmáticos encontrados, geralmente, em células vegetais para armazenamento de pigmentos ou de nutrientes. LEUCOPLASTOS Orgânulos citoplasmáticos sem pigmentos, especializado

Siga o Bertobio!
  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Instagram - White Circle

Nos encontre também no Instagram!

@biologiaparaavida
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco