Processos alérgicos

Atualizado: Jul 13

O processo alérgico nada mais é que uma resposta em excesso do sistema imunológico frente a um agente desencadeador. Esse agente varia de pessoa a pessoa, podendo ser ácaro, determinadas comidas, cheiros, poeira, pelos de animais, pólen de flores e etc. A imunoglobulina (anticorpo, é uma proteína de defesa do organismo) que percorre todo o corpo por meio da corrente sanguínea identifica um agente invasor sob o qual o deve atuar. Esse agente pode ser já conhecido e assim, estar presente no linfócito de memória do corpo ou ser um novo. Enquanto está identificando e agindo contra o agente invasor, é liberada a HISTAMINA por meio de linfócitos que é a principal responsável pelos sintomas alérgicos. Ela quem provoca os edemas, vermelhidão, coceira, entre outros. Isso ocorre pois a histamina tem uma função vasodilatadora, e em algumas vezes ocorre o extravasamento de plasma sanguíneo, provocando os desagradáveis sintomas. Toda e qualquer reação alérgica deve ser levada ao médico e tratada segundo as devidas recomendações. Na grande maioria das vezes esse processo ocorre no sistema respiratório e na pele.

Referência:

Toda Biologia: Alergias

0 visualização
Siga o Bertobio!
  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Instagram - White Circle

Nos encontre também no Instagram!

@biologiaparaavida
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco