Principais doenças fungicas

Oi biologuínhos, tudo bem? Como aqui no blog já temos posts sobre principais doenças virais e bacterianas, nada mais justo que termos um sobre as patologias causadas por fungos.


CANDIDÍASE

Muito conhecida por causar sintomas muito incômodos nas mulheres, a infecção por Candida albicans acontece quando, por algum fator hormonal, estresse, temperatura, a população desse fungo aumenta de forma considerável. Dentre os sintomas, temos coceira, ardor, vermelhidão e inchaço na região genital. Apesar de ser mais presente em mulheres, homens também podem sofrer com a patologia.

A infecção pode não somente atingir a região genital, como também nos lábios, gerando o famoso "sapinho".


MENINGITE FÚNGICA

Já conhecemos outros tipos de meningite, mas a fúngica raramente faz parte de nosso conhecimento. Isso acontece porque ela é bem mais rara que as outras mesmo representando a mesma doença, conhecida pela inflamação das meninges. Os sintomas mais característicos são dor de cabeça, náusea, vômitos, dor ao flexionar o pescoço, alucinações, alterações da consciência e, até mesmo, sensibilidade à luz.


ONICOMICOSE

Sendo uma das patologias mais comuns, a onicomicose afeta as unhas das mãos e dos pés, espessando-a e apresentando alterações de cor e forma. Em casos extremos, a unha pode até mesmo se descolar da pele.


ESPOROTRICOSE

Muito comum em áreas rurais por ser um fungo comumente encontrado na terra e em madeira, essa patologia afeta, inicialmente, a pele, podendo se espalhar para gânglios linfáticos. Os gatos podem se infectar com o fungo e transmitir por meio de arranhões.


PANO BRANCO

Muito conhecido como "micose de praia", a patologia é causada pelo fungo Malassezia furfur, provocando manchas esbranquiçadas na pele, principalmente na região do abdômen, braço, rosto e tronco.


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo