Parasitologia: Conceitos básicos

Atualizado: Jul 14

Parasitismo é uma relação ecológica desarmônica/negativa entre indivíduos de espécies diferentes, é íntima, duradoura e o parasita apresenta dependência metabólica de grau variável.

As doenças causadas por parasitas ocorrem num momento de desiquilíbrio entre o parasita e o hospedeiro;

Especificidade:

  1. Estenoxeno: ciclo com poucos hospedeiros;

  2. Eurixeno: ciclo com muitos hospedeiros;

Tipos de parasito:

  1. Obrigatório;

  2. Facultativo;

  3. Acidental: parasito vai para o hospedeiro “errado” que interrompe o ciclo;

Tipos de ciclo:

  1. Monoxeno: apresenta 1 hospedeiro;

  2. Heteroxeno: apresenta mais de 2 hospedeiros;

Tipos de hospedeiro:

  1. Definitivo: comporta o verme adulto que se reproduz sexuadamente;

  2. Intermediário: comparta a larva ou o cisto, reprodução assexuada;

  3. Paratênico: leva o parasito para o hospedeiro definitivo;

Formas de infecção: oral, cutânea, mucosa, transplacentária, transmamária, transfusional e transplantação;

Vias de transmissão: contato pessoal, compartilhamento de objetos de uso pessoal, água, alimentos, poeira, mãos sujas, solo, hospedeiro intermediário ou vetores (artrópodes, moluscos ou objetos).

Referência:

Aulas da Professora Francine Alves da Silva Coelho- Universidade de Taubaté

0 visualização
Siga o Bertobio!
  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Instagram - White Circle

Nos encontre também no Instagram!

@biologiaparaavida
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco