Estude para o mestrado comigo: Genética e hereditariedade

Mendel, ao longo de seus estudos, demonstrou que as características hereditárias, isto é, aquelas que são transmitidas ao longo das gerações, são determinadas por fatores distintos que são passados, separados e recombinados- esses fatores hoje são conhecidos como genes.


Dentre os inúmeros pontos que tornam o estudo de Mendel extremamente confiável, temos alguns a serem exaltados:

• Estudo apenas com características com diferenças fenotípicas bem definidas e estáveis: semente lisa/rugosa, cor da semente amarela/verde, posição da flor axial/terminal, cor da flor púrpura/branca, forma da vagem inflada/comprimida, cor da vagem amarela/verde, comprimento do caule alto/anão;

• Seleção de linhagens puras para cada característica;

• Investigação da geração F1 a partir de linhagens puras e suas gerações sequentes;

• Contou os diferentes tipos de descendentes de cada geração, analisando matematicamente;

• Realizou anotações precisas sobre seus experimentos.


PRIMEIRA LEI DE MENDEL

"Todo indivíduo carrega pares de genes para cada características e que os membros do par segregam-se durante a formação de gametas." (Raven, 2007)


SEGUNDA LEI DE MENDEL

Genes existem em formas diferentes (=alelos), ocupando o mesmo loco em cromossomos homólogos, formando pares de características que se expressam em conjunto mas se segregam independentemente.


Genes ligados: presentes de forma muito próxima no mesmo par de cromossomos homólogos, sendo herdados em conjunto;


• Pode ocorrer crossing-over, mas a maior probabilidade é entre mais distantes);


Mutações gênicas ou de ponto: alteração de um alelo do gene, 1 nucleotídeo;


• Deleções: retira ou adiciona um nucleotídeo, alterando o material genético;


• Podem ocorrer inversões e translocações nos genes;


Aneuploidia: cromossomos perdidos;


Poliploidia: cromossomos duplicados;


Epistasia: um gene interage ou inibe o efeito de outro;


Pleiotropia: quando um único gene tem mais de um efeito no fenótipo, isto é, na determinação de uma característica;


Mutações cromossômicas: mudam segmentos de cromossomos, ou até mesmo os cromossomos inteiros ou conjuntos;


• Interações gênicas podem acontecer entre alelos de genes diferentes e certas características são controladas por vários genes (herança poligênica);


Herança citoplasmática: genes que somente estão presentes em organelas citoplasmáticas, como mitocôndria e plastos;


Fenótipo: resultado da interação do genótipo com o meio (pH, concentração de íons, temperatura, hormônios, ação de outros genes...);


• Replicação do DNA em detalhes clique aqui;


Raven, P.H. Evert, R.F., Eichhorn, S.E. Biologia vegetal. 7 ed. Rio de Janeiro: Guanabara

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo