Como os seres vivos são nomeados e classificados?

Oi biologuínhos, tudo bem? Hoje resolvi trazer para vocês um conteúdo sobre classificação e nomenclatura dos seres vivos, em que não vou abordar exatamente os 5 reinos da Biologia (pois já temos esse post) e sim, todas as classificações possíveis.


Bom, iniciaremos falando sobre a frase muito utilizada por aqueles que querem se recordar das classificações: ReFiCOFaGE. Confesso que até hoje, momento em que sou formada em Biologia, essa frase me ajuda bastante. Nela, está contida todas as classificações a qual um ser vivo pertence, sendo elas:

Re= Reino;

Fi= Filo;

C= Classe;

O= Ordem;

Fa= Família;

G= Gênero;

E= Espécie;


Além dessas classificações, em 1977 com o avanço da ciência, por questões moleculares, foi criada uma nova categoria, chamada Domínio que fica acima do Reino, logo, nossa classificação atual seria: DoReFiCOFaGE. Não teria tempo nem espaço necessário aqui para descrever todos os filos, classes, ordem, famílias, gêneros e espécies biológicas existentes: são muitas! Mas, quando falamos em Domínio e Reino, é possível sim fazer essa descrição simples.


Como já disse anteriormente, os Reinos estão descritos em outro post, que deixarei linkado aqui para que vocês possam ler logo em seguida. Já os Domínios aceitos atualmente, temos: Bactéria, Archaea e Eukarya.


O domínio Bactéria engloba seres unicelulares e procariontes que causam doenças em seres humanos e que são encontradas em água e solo. Já o domínio Archaea contém os organismos procariontes que são quimiotróficos e que, muitas vezes são extremófilos.


Por fim, o domínio Eukarya agrupa TODOS os seres eucariontes: desde protozoários, fungos, até as plantas e animais. Incrível perceber que essa classificação agrupa seres que muitas vezes vemos como tão diferentes, né?!


Agora sobre nomenclatura: chegou o momento de falar de Carl von Linné: o Botânico que criou a nomenclatura binomial e a classificação científica, sendo considera o "pai da taxonomia". Basicamente esse sistema de nomenclatura binomial identifica a espécie pelo nome em latim (por ser uma língua morta e que não sofre mais alterações), constituído pelo primeiro nome com a inicial maiúscula e representando o gênero, e o segundo totalmente em minúsculo representando a espécie.

Exemplo: Canis familiares


A nomenclatura binomial é única para os cientistas de todo o mundo, facilitando a comunicação científica entre eles.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo